Oito projetos compartilham experiências em mesa-redonda no Encontro de Comunicação

Após a conferência “Comunicação Comunitária, Alternativa e Cidadã em tempos de convergência digital”, na qual palestrou o convidado Prof Dr. Bruno Fuser (UFJF), iniciamos a mesa-redonda “Os caminhos da Comunicação Comunitária e Alternativa da
Região Metropolitana de Natal”, com participação de coordenadores de projetos em
cinema, internet, impresso, rádio, produção audiovisual e produção artística.

O primeiro a debater foi Alexandre Santos, representando o projeto audiovisual
“Caminhos, Comunicação e Cultura”. Alexandre falou um pouco sobre a atuação do projeto
nas cidades do interior do Rio Grande do Norte. Em seguida, Rodrigo Bico contou como
surgiu e atua o Grupo Facetas, Mutretas e Outras Histórias no meio artístico potiguar, já que eles representam um dos grandes articuladores culturais do Estado. Bico cita, ainda, o Ponto de Cultura Rebuliço, um projeto do grupo que é responsável pela
formação de novos artistas através do desenvolvimento crítico e criativo da arte.

Logo após, Alessandro Muniz, estudante de jornalismo na UFRN, contou um pouco da sua
experiência como colaborador da Revista Viração, esta que é um projeto voltado à
mobilização social juvenil visando a educação por meio da comunicação (educomunicação).

Ramon Ribeiro, um dos editores da Revista Catorze, falou sobre a atuação do projeto no
segmento de Jornalismo Cultural do RN. Com reportagens, ensaios, crônicas, coberturas
especiais, a Catorze trata da arte em diversos aspectos, sem restrições. Ramon citou, ainda, a iniciativa da revista em organizar o primeiro debate com os candidatos a governo do RN para debater sobre políticas culturais voltadas para o Estado.

O próximo projeto em foco na mesa-redonda foi o jornal “O Canto do Jaraguar”, que atua no bairro de Felipe Camarão, Zona Oeste de Natal. Depois, as rádios comunitárias entraram em pauta com o depoimento de Suzana Lúcia, diretora-presidente da Rádio Sant’Ana FM. Suzana afirma que a rádio é mantida pelos sócios-contribuintes da comunidade da Redinha, na Zona Norte de Natal, e que o objetivo da rádio é fazer um trabalho totalmente oposto das rádios comerciais que existem na cidade.

Por fim, os representantes dos projetos Cine Paredão e SOS Ponta Negra fecharam a parte da manhã do evento. Lula Borges comentou um pouco sobre as exibições de filmes curta-metragens no bairro do Alecrim, Zona Leste de Natal. Seguido do jornalista Yuno Silva que falou sobre a luta do movimento SOS Ponta Negra para garantir a preservação de um dos principais cartões-postais de Natal, o Morro do Careca.

Anúncios

Sobre Polliana Araújo

Polliana Araújo é estudante de Jornalismo e inquieta. Nasceu em outubro de 1987 e de lá até aqui não conquistou prêmios, nem grandes quantias de dinheiro, nem fama. Mas também não quer. Só busca o suficiente para budegar com dignidade, ou seja, ter dinheiro sobrando para comprar livros e discos, ir ao cinema todo dia, dar uma vida melhor para a família e se filiar ao Greenpeace. Gosta de um bom papo de ônibus, lugar onde passa a maior parte do tempo. Se desdobra para contar uma boa história e, por isso, dizem que é bem expressiva, por causa dos gestos abertos e tagarelices. É insone, fica escrevendo pelas madrugadas, e idealista, pois dedica seu tempo, também, à preocupação com o funcionamento do mundo e a tentar melhorar as coisas do jeito que pode.
Esse post foi publicado em Eventos Científicos e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Oito projetos compartilham experiências em mesa-redonda no Encontro de Comunicação

  1. Yuno Silva disse:

    Muito legal o Encontro, parabéns aos organizadores pela oportunidade de reunir bons temas, boas intervenções e boa programação… juntar pessoas interessantes e interessadas.

    Que a iniciativa renda frutos.
    Abraços,

  2. Ramon Ribeiro disse:

    Compartilho da mesma opinião do Yuno. Parabéns pelo evento. Em todos esses anos em que estou na UFRN, no curso de jornalismo, nunca vi um evento tão bem organizado e atrelado com a realidade atual da comunicação.

    Fico muito feliz de ter participado.

    Abraços.

    • Outros virão, Ramon! E também propostas de colaboração em rede! Vamos construir com todas essas experiências, que já são realidade, uma nova comunicação no RN! Abraços!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s